Cookies: O nosso site utiliza cookies. Ao continuar a navegar no site está a concordar com a Política de Cookies. Saiba mais aqui. Continuar
Fechar
A campanha mudou, mas o seu Saco de Pedidos não sofreu alterações.
Por mudar de campanha, o seu Saco de Pedidos foi atualizado.
Direito dos Animais

Direito dos Animais

A Avon não realiza testes em animais para comprovar a segurança dos seus produtos ou ingredientes.

19 Dezembro, 2019

A AVON compromete-se a não realizar testes em animais em nenhum lugar no mundo

 

A AVON terminou imediatamente todos os testes regulamentares de produtos exigidos em animais, tornando-se a primeira companhia de beleza global* que vende na China a terminar com todos os testes em animais em todas as suas marcas**. O respeito pelo bem-estar dos animais é um pilar na filosofia de segurança de produtos da Avon e esta declaração vem de 30 anos de trabalho para criar uma mudança positiva neste espaço.

 

* Baseado no top 10 empresas globais de beleza e cuidado pessoal do Euromonitor International (abril 2019)
** Politicas de bem-estar dos animais associadas

 

 

 

 

 

 

 

Perguntas e Respostas

 

O que estão a anunciar hoje?

A Avon está a tomar uma posição globalmente contra os testes em animais terminando os testes regulamentares em animais na China. A Avon foi uma das primeiras empresas a terminar com os testes em animais para garantir a segurança dos nossos produtos há 30 anos. Agora, a Avon tornou-se a primeira empresa global de beleza a terminar com os testes em animais em todas as nossas marcas, derivado aos 30 anos de trabalho para criar uma mudança positiva neste espaço.

 

Porque é que a Avon decidiu terminar os testes em animais na China?

Acreditamos que os testes em animais não são necessários para garantir a segurança dos produtos. Terminamos os testes em animais como garantia de segurança há 30 anos e durante décadas trabalhamos com parceiros no desenvolvimento de alternativas aos testes em animais na esperança de influenciar uma mudança. Desenvolvemos novas maneiras de entregar os produtos aos nossos clientes na China que não requere testes em animais.

 

Como é que a Avon terminou os testes em animais na China quando os mesmos são requeridos por lei?

Desenvolvemos novas maneiras de entregar os produtos aos nossos clientes na China que não requerem testes em animais. Estamos a reformular um número dos nossos produtos e a descontinuar algumas linhas que não é possível reformular.

 

Existem alguns produtos Avon testados na China vendidos noutros países sem ser a China?

Nenhum produto Avon que foi testado em animais devido aos requerimentos regulamentados na China foram vendidos em qualquer outro mercado Avon. Estamos ainda em processo de transição da retirada de produtos testados em animais na China.

 

Se a Avon não testa em animais, porque é que a PETA inclui a Avon na lista de empresas que testam em animais?

A PETA incluiu anteriormente a Avon na sua lista de empresas que vendem produtos na China e que, portanto, são requeridas por regulamentação a testar alguns produtos em animais. Como terminámos todos os testes em animais, temos trabalhado de perto com a PETA e a Avon foi retirada da lista.

 

Porque testavam em animais na China?

A China requere legalmente testes em animais em produtos designados de “uso especial” – como protetores solares e desodorizantes – vendidos na China e cosméticos normais importados para a China. Não acreditamos que os testes em animais sejam necessários para garantir a segurança dos nossos produtos, por esta razão, terminamos este tipo de testes há 30 anos atrás.

 

Porque é que os produtos Avon não têm um logotipo “cruelty-free”?

Trabalhamos com organizações para criar uma mudança positiva nos testes em animais durante 30 anos e temos parcerias com o o Instituto de Ciências Inovadoras, a FRAME e a Humane Society International.Estamos orgulhosos de ter os seus logotipos nos nossos materiais e de apoiar o seu importante trabalho. Estamos em diálogo com organizações como a PETA e CFI sobre como conseguir uma certificação “cruelty-free” nos nossos produtos.

 

Como é que a Avon garante a segurança dos seus produtos sem testes em animais?

A segurança dos clientes Avon é da mais elevada importância e garantimos a segurança dos nossos produtos utilizando métodos bem estabelecidos sem testar em animais como a aplicação de informação existente, modelação em computador, e testes in vitro para garantir a segurança dos produtos de cosmética da marca Avon.

 

Conseguem garantir que os vossos produtos vendidos na China deixarão de ser testados em animais?

Sim, estamos a reformular um número de produtos que atualmente requerem testes em animais na China para que os mesmos deixem de requerer esses testes mas vamos continuar a ir de encontro às necessidades dos nossos clientes Chineses.

 

Quantos produtos Avon são atualmente testados em animais?

Desde hoje, nenhum produto Avon é testado em animais. A regulamentação na China significa que cosméticos de uso especial, incluindo desodorizantes, protetores solares e cremes para esbranquiçar a pele, são requeridos por lei serem testados em animais na China. Ultrapassámos este desafio mudando a nossa linha de produtos.

 

Estão preocupados com alguma repercussão na China?

Estamos a fazer uma mudança que acreditamos ser a correta para os valores do nosso negócio. Estamos empenhados em crescer na China, que é um dos nossos maiores mercados de beleza no mundo com crescimento mais rápido de modo a ir ao encontro das necessidades dos nossos clientes, donos de boutiques e outros parceiros. Vamos continuar a investir e a introduzir novas marcas e produtos. Vamos manter os nossos elevados padrões de segurança de produtos. Estamos confiantes no potencial da Avon na China e estamos empenhados em construir o nosso negócio lá.

 

Se eu comprar amanhã um produto na China, o mesmo foi testado em animais?

Terminámos os testes em animais imediatamente, mas podem existir pequenos volumes de produtos restantes em circulação na China, temos como objetivo fazer uma limpeza rápida.

 

Até quando esperam limpar o vosso stock testado em animais?

O nosso objetivo é terminar a venda de stock testado em animais até julho de 2020.

 

O que é que a Avon está a fazer para mudar a política de testes em animais na China?

A Avon não concorda que os requerimentos de testes em animais sejam necessários para garantir a segurança de produtos e estamos empenhados em ajudar a terminar os testes em animais em produtos de beleza. A Avon apoia o desenvolvimento de alternativas a testes em animais trabalhando em parceria com organizações científicas que desenvolvem novas abordagens à avaliação de segurança de produtos que não utilizam animais. A Avon apoia organizações que promovem iniciativas “cruelty-free” como o Instituto de Ciências Inovadoras (IIVS), Humane Society International (HSI), Fundo para a Substituição de Animais em Experiências Médicas (FRAME) e Parceria Europeia para Abordagens Alternativas ao Ensaio Animal (EPAA). Encorajamos outras empresas de beleza a trabalhar com governos e organizações como estas para terminarem com os testes em animais.

 

Porque é que a Avon não parou de vender produtos na China antes?

Porque não acreditamos que fugir ao problema seja a solução. Temos um negócio em crescimento na China – com clientes que queremos continuar a servir. E queremos apoiar os nossos Donos de Boutiques na China – mulheres a construir o seu próprio negócio através da venda de Avon. Para além disso, estamos otimistas que a influência da Avon como uma empresa líder global de cosméticos, juntamente com outras na industria e a nossa alargada rede de organizações parceiras, podem ajudar a mudança com o objetivo de terminar os testes em animais.

 

Quais são as implicações financeiras deste anúncio?

Estamos focados em entregar produtos que não tenham sido testados em animais em todos os nossos mercados. Através de novas inovações em produtos vai ser possível minimizar qualquer impacto financeiro, e também abrir a Avon a ainda mais clientes através da remoção de uma potencial barreira de compra.

 

A Avon vai mudar os seus fornecedores na China e se sim, qual o impacto desta mudança?

Não estamos a fazer mudanças significativas como resultado desta mudança. Estamos a investir no crescimento do nosso negócio na China e vamos trabalhar com parceiros para entregar novas inovações na China e em todo o mundo.

 

Porque estão a anunciar agora se ainda estão a vender produtos testados em animais?

Terminamos os testes em animais na China. Irá haver um pequeno período de tempo enquanto movemos pequenos volumes de stock restante para fora do mercado e introduzimos novas linhas de produtos.

 

A Avon é mesmo a primeira empresa a terminar com os testes em animais na China?

Somos a primeira empresa global a terminar os testes em animais em todo o nosso portfolio de marcas. Encorajamos a que outras empresas tomem esta decisão nalgumas das suas marcas e encorajamos a que se juntem a nós em terminar os testes em animais em todo o seu negócio.

 

Como podem afirmar ter terminado os testes em animais há 30 anos quando têm testado na China?

A Avon não testa em animais para propósitos de validação da segurança dos nossos produtos na China ou em qualquer outro país no mundo e não o tem feito nos últimos 30 anos. O requerimento regulamentado de testar em animais na China é algo com que não concordamos e não usamos os resultados desses testes em animais para validar a segurança dos nossos produtos.

 

Como é que este anúncio vai impactar os negócios das vossas revendedoras Chinesas?

Nós não temos revendedoras na China. A venda é realizada através de outros canais, incluindo parceiros de retalho e Boutiques de Beleza. Estamos a trabalhar com os nossos parceiros na China e a crescer ativamente o nosso negócio lá. Estamos a desenvolver novas inovações e uma estratégia multicanal para ir de encontro da nossa estratégia de crescimento na China.

 

Porque é que a Avon decidiu fazer esta mudança agora? O que levou a esta mudança?

A Avon há mais de 30 anos que trabalha para criar uma mudança positiva neste espaço. Fomos uma das primeiras empresas a terminar com os testes em animais para segurança dos produtos nos nossos mercados, com exceção da China. Apesar de nos sentirmos encorajados pelo progresso feito até à data para novas abordagens à segurança dos produtos, existe ainda muito trabalho para ser feito.

 

A Avon fez isto devido à pressão da PETA/ aquisição da Natura/ outras pequenas marcas que já se encontram comprometidas?

Não acreditamos que os testes em animais sejam necessários para garantir a segurança de produtos, por esta razão fomos pioneiros em terminar com testes em animais há 30 anos. Desde aí, temos estado a trabalhar para criar uma mudança positiva e estamos satisfeitos por termos encontrado uma solução para os requerimentos legais na China. Estamos a fazer isto porque acreditamos que é o correto e porque os nossos clientes e revendedores também acreditam no mesmo. Estamos otimistas que a influência da Avon como uma empresa líder global de cosméticos, juntamente com outros na indústria, podemos ajudar com o objetivo de terminar testes em animais.

 

Se a Avon ainda usa ingredientes derivados de animais como Lanolina, Glicerina, Caseína, entre outros – como podem afirmar ser “cruelty-free”?

Estamos numa jornada para incorporar mais ingredientes que tenham como base plantas ou que sejam naturais ou sintéticos nos nossos produtos, enquanto também garantimos que não temos nenhum impacto negativo no nosso precioso planeta e nos seus recursos. A nossa linha recentemente lançada, Distillery, incorpora produtos vegan compostos por concentrados através de um processo rico de destilação, com embalagens amigas do ambiente. Terminar os testes em animais em todo o nosso portfolio de marcas é outro passo nesta jornada para uma indústria “cruelty-free”.

 

 

 

 

Desenvolvimento de alternativas aos testes em animais

A Avon há muito tempo que se encontra empenhada em ajudar a terminar os testes em animais em produtos de beleza. Há décadas, que a Avon apoia o desenvolvimento de alternativas aos testes em animais.

A Avon continua a apoiar o desenvolvimento de alternativas aos testes em animais através do apoio a organizações científicas que desenvolvem novas abordagens à avaliação da segurança dos produtos que não usam animais. A Avon também trabalha com associações da indústria de cuidado pessoal para ajudar a aceitação do governo de métodos de teste que não utilizem animais com o objetivo de terminar os testes em animais em produtos de beleza na China.

 

 

Algumas parcerias da Avon para o desenvolvimento de alternativas em testes em animais incluem:

 

Instituto de Ciências Inovadoras (IIVS)

Os cientistas da Avon têm desempenhado desde há muito tempo um papel ativo como membros do Comité Científico. O Painel Consultivo do Instituto de Ciências Inovadoras (IIVS), uma organização não lucrativa de pesquisa e testes dedicada ao avanço de métodos de teste não-animais em todo o mundo. A Avon também é membro do Conselho da Indústria da IIVS para o Avanço da Aceitação Regulatória de Alternativas (ICARAA), um grupo de trabalho que promove atividades específicas destinadas a acelerar a adoção de métodos que não envolvam animais por orgãos governamentais, como a Administração Chinesa de Alimentos e Medicamentos.

 

Centro de Alternativas para Testes em Animais na Universidade John Hopkins

A Avon é um defensor de longa data do Centro de Alternativas para Testes em Animais na Universidade John Hopkins, que apresentou à Avon um Prémio de Reconhecimento pela sua dedicação aos princípios dos 3Rs (substituição, redução e refinamento) e a utilização de testes alternativos para avaliação de segurança. A Avon financiou o primeiro projeto do Centro para alternativas à utilização de animais em testes de alergia de contato em 1988.

 

Fundo para a Substituição de Animais em Experiências Médicas (FRAME)

Na Europa, a Avon apoia há muitos anos o Fundo para a Substituição de Animais em Experiências Médicas (FRAME) no Reino Unido. O FRAME é dedicado ao desenvolvimento de métodos novos e válidos que substituirão a necessidade de animais de laboratório em pesquisa médica e científica, educação e testes.

 

Parceria Europeia para Abordagens Alternativas ao Ensaio Animal (EPAA)

A Parceria Europeia para Abordagens Alternativas aos Ensaios em Animais (EPAA) é uma colaboração voluntária entre a Comissão Europeia, Associações comerciais europeias e empresas de sete setores da indústria. Os membros estão comprometidos em reunir conhecimento e recursos para acelerar o desenvolvimento, validação e aceitação de abordagens alternativas à utilização de animais em testes regulatórios. O objetivo geral é a substituição, redução e refinamento (3Rs) da utilização de animais para testes.

 

Cosmetics Europe e o Conselho de Produtos de Higiene Pessoal

A Cosmetics Europe e o Conselho de Produtos de Cuidado Pessoal são as associações da indústria de cosméticos e produtos de higiene pessoal da Europa e dos EUA, respetivamente, das quais a Avon é um membro ativo. Estas associações industriais estão a trabalhar com as autoridades chinesas para explicar como as empresas da UE e dos EUA usam métodos não animais para garantir a segurança dos seus produtos, com o objetivo de acabar com esta prática desnecessária na China.

 

Humane Society International

A Humane Society International é uma força líder na proteção dos animais que tem campanhas ativas na proteção da vida selvagem, incluindo a redução e substituição do uso de animais em pesquisa científica. A Avon apoia a campanha da organização #BeCrueltyFree que tem como objetivo criar uma mudança regulamentar em todo o mundo mas, particularmente, no Sudeste Asiático.

 

{{UI.LoadingMessage}}
[View|Representative_Attach_Not_Available]